domingo, 28 de março de 2010

Around the Bay

E Lá fui eu mais uma vez para a Around the Bay, a corrida mais antiga da América do Norte (e portnato das américas eu imagino). A Around the Bay teve sua rpimeira edição a 116 anos atrás, mas a corrida de hoje não foi a 116 edição pois houve vários anos que a corrida nao aconteceu. Bom, enfim, vamos aos fatos.

Ontem eu fui buscar o kit, meio sem interesse na corrida. Para falar a verdade eu tava mais interessado nos 30Km que ela isa somar a minha pontuação no duelo, e depois da corrida eu chegaria aos 250Km. É bastante, mais de 8Km por dia, e por esse motivo eu imaginei que eu estaria cansado para correr bem, por ter corrido tanto no mês. Mas eu também não queria sofrer na corrida então não fiz altas Km nestes últimos dias. Na quarta feira eu corri 20Km, na quinta 6, na sexta 8 e ontem, sábado 5 apenas. Eu peguei leve nestes 3 últimos dias, visando não estar cansado para a prova, mas ainda assim nos três dias eu me senti cansado. Então as expectativas para a prova eram baixas, eu tava pensando mais nos 30 Km e lá no fundo ainda aquela meta de batar a casa dos 5min/km, ou 2h30m, coisa que devia ser facil para mim visto que já fiz várias maratonas sub 5min/km. Enfim, acho que essa é a razão de eu querer quebrar tanto essa barreira.

Mas a Around the Bay é em Março, frio ainda, depois de geralmente você não ter treinado nada durante o inverno todo. E não é uma corrida fácil, ela é tranquila até o Km 18, quando as subidas começam. Do 18 ao 26 praticamente não tem parte plana, é subida ou descida, duas das subidas são cruéis, uma é meio longa e íngreme, outra é curta e muito íngreme.Foram estas subidas e descidas que em impediram de fazer sub 2h30m ano passado, o rítmo caiu muito lá, o trecho me quebrou. No ano retrasado eu cheguei lá já meio quebrado... Este ano eu estava consciente do inimigo, mas não sabia o quanto estaria preparado.

A corrida começou as 9:30, com tempo nublado, temperatura de 4 graus. Eu resolvi correr de shorts e duas blusas finas, a de fora sendo mais um quebra vento. Levei uma luva boa, e talvez exceto pela luva que era muito quente, o resto acho que acertei, estava confortável. Eu tava traumatizado que passei bastante frio nas mãos no ano passado, dado que choveu durante a prova toda, temperatura de 5 graus, situação ruim realmente.

Eu saí trnaquilo, seguindo a galera, ritmo lento e sem preocupações. Logo eu percebi que de fato eu estava num dia bom, ou pelo menos num momento bom. Acelerei para um ritmo que eu achava confortável, que era mais rápido do que eu esperava, mas ali tinha bastante gente e eu ainda perdia tempo com a galera mais lenta, mas eu estou numa época que eu não ligo mais para isso, nada de correr em calçadas ou atropelar os outros, fui indo na medida do possível.

Passei o Km 5 com 23:39 ou 4:43m/km, que era um bom tempo. Eu me sentia bem e continuava forçando o rítmo ainda que com medo de que eu seria cobrado depois do Km 20, mas eu sou assim, se estou me sentindo bem eu mando bala. O Km 5 foi o primeiro que eu vi e a partir de então começei a monitorar meu tempo por Km para ver se isso me incentivava a não deixar o ritmo cair. Passei o km 10 com 47 minutos cravados, ou seja, do 5 ao 10 eu rodei a 4:40m/km.

Foi quando eu comecei a sentir um pouco de cansaço, que durou até o Km 14, onde eu estava com 1:06:01. Embora do 10 ao 14 o ritmo tenha caido um pouquinho, eu me reanimei quando eu vi esse tempo no Km 14, pois eu notei que o Km 15 seria passado na casa dos 1:10, assim rodei rápido denovo. No km 15 temum posto de troca de revezamento e acho que isso fez eles deslocarem a placa do Km, e eu cheguei lá com 1:11, oq ue foi estranho. Mas depois cheguei no 16 com 1:15. A verdade é que o 15 devia estar fora e eu rodei por volta dos 4:30 do 14 ou 16, o que faz sentido pois eu realmente forcei mais naquele trecho.

E cheguei no Km 18 bem, mas vieram as subidas.Ainda assim, ali no Km 18 com 1:24 mais ou menos, eu imaginei pela primeira vez que as 2:30 seria superada. Afinal faltavam 12 Km que se eu fizesse em 1h (5min/km) eu terminaria em 2:24. Eu tinha uma boa margem ainda que meu ritmo caísse nas subidas. Mas eu segui forte, passei o Km 20 com 1:33:48, ritmo de 4:41m/km. Faltavam 10Km que eu podia fazer em 50 minutos para comemorar. Virei a meia maratona para sub 1:40 o que também foi um grande incentivo, eu não estava tão mal. Mas ali no Km 21 eu já ficava cansado e o ritmo estava caindo. Subidas e descidas iam me detonando e eu já nem conseguia mais rodar forte como antes nas descidas. No Km 25 veio uma enorme descida, que eu tentei descer rápido, mas naquele ponto nem descidas não tavam me fazendo rápido, só que eu segurava um certo ritmo e pensava na subida que eu sabia que tinha depois da descida, a pior subida da prova, com o Km 26 no meio. Cheguei nela e subi lentamente. 6min/km, ou mais lento, não sei, mas tava muito lento. Tentei não andar pelo menos, já que nas duas vezes anteriores eu havia andado ali. Consegui, matei a subida correndo sempre, e lá em cima era hora de voltar a acelerar pois o percurso seguiria praticamente plano até o final. Eu havia passado o Km 25 na por volta de 1:58 e sabia que seria fácil, mas eu ainda tinha que correr os 5 Km restantes, embora estivesse cansado.

O percurso voltou a ser plano e eu tentei ser rápido, mas as pernas estavam cansadas, eu corria sofrendo, eu lembrava do Km 15 mas não conseguia fazer igual. No entanto o ritmo não estava ruim, eu precisava apenas segurá-lo até o final, Vieram os demais Km e foram todos detonados, entrei no ginásio coberto, o sujeito falou meu nome e eu cruzei a linha de chegada. Tempo de 2:22:29, era muito melhor do que eu esperava. Ritmo de 4:44min/km, meio inacreditável, parecia que eu estava voltando a velha forma! Lembrei da maratona em 2007, eu estava num ritmo um pouco superior ao daquela maratona, conseguiria eu continuar correndo e fazer mais 12Km em 1h para quebrar o recorde da maratona? Com certeza não, eu estava bastante cansado.. mas com um pouco mais de treino, treino mais apropriado... Mas é só divagação, eu não estou pensando em correr maratonas... Agora vai ser difícil melhorar o tempo na Around the Bay, a não ser que o duelo continue até Março do ano que vem, afinal parece que ele ajudou muito nessa minha performance!

3 comentários:

Anônimo disse...

Oi Marcão, impressionante conseguir este tempo para 30Km, ainda treinando no frio desgraçado daí. Isto que se chama de corredor maluco, viciado, maniac runner, etc.. Parabéns. Uma pena que você não pode correr aqui.
Sadao

Marcos Sanches disse...

Putz... eu acabei deletando o comentario do Sadao, a quem agradeço. É que ele enviou 3 vezes o mesmo comentário e eu quis excluir dois deles, acabei excluindo todos!!!

É Sadao, o duelo me fez ficar um pouco mais rápido, mas eu sofri bastante nos 30Km, hoje fui fazer um treino e notei que ainda estou cansado da corrida...

Marcos

Marcos Sanches disse...

Esse blog tá maluco, pelo jeito eu não deletei os 3 comentários do Sadao, sobrou um ali em cima...

Ok Sadao, um dia eu volta e vamos ter bons momentos...

MS