domingo, 14 de março de 2010

O golpe

É claro que não é só no Brasil que existe essa galera que passa a perna até na mãe. Aqui no Canadá ficou famoso a estória de Earl Jones, um sujeito que se passou por administrador de fundos e Financial Advisor (Eu não sei ao certo como traduzir isso...) por 25 anos, vivendo as custas do suado dinheiro dos clientes, até a sua farsa desmoronar em Julho do ano passado. A estória completa você pode assitir no programa da CBC canadense, o Fifth Estate, mas é impressionante.

O sujeito pegava a grana das pessoas para investir. Se você não é bom nisso, você pode contratar alguém que faça investimento para você, é assim no Brasil também. Ele era carismático e as pessoas gostavam dele e davam o dinheiro para ele investir por elas. Mas ele nunca investiu sequer um centavo, ao contrário, ele pegavo a grana da turma e colocava na conta corrente dele, e vivia maravilhosamente dessa forma. Quando alguém pedia o resgate do dinheiro, ele conseguia pagar com o dinheiro de outras pessoas que depositavvam o dinheiro para ele administrar. As vezes as pessoas pediam o dinheiro investido de volta para comprar casas e tal, mas ele conseguia devolver pois outros estavam dando grana para ele investir. Mas ele não só não investia, ele vivia uma vida de rei com o dinheiro. E mandava estratos mensais dos rendimentos, tudo como manda o figurino, ninguem nunca desconfiou de nada, nem mesmo os funcionários que trabalhavam para ele. Mas em 2008 o seu castelo começou a cair, com a ausência de fundos para cobrir pedidos de resgates e ele logo se viu obrigado a fugir deixando inúmeras pessoas a ver navios. Dos 15 milhões de dolares que ele devia, ele tinha gastado em torno de 13 milhões viajando e levando uma boa vida, era um poço sem fundo, não havia dinheiro que entrasse capaz de cobrir a sua vida boa e os resgates.

O impressionante disso tudo é que as vítimas do golpe são muitasa vezes pessoas idosas, que guardavam o dinheiro com ele para sua aposentadoria e agora estão sem nada. O irmão dele, que sempre fez questão de guardar dinheiro para viver viajando quando aposentado, também foi uma das vítimas e está sem nada, sem saber como vai ser seu próprio futuro. Pegar o dinheiro do trabalho suado de outras pessoas é algo muito desonesto, repugnante, mas pra mim isso é pequeno quando você compara com o que essas pessoas estão vivendo agora por causa dele. Ele não só enfiou a mão no bolso dos outros, ele destruiu a vida deles, conscientemente. Eu não sei se ele passou a perna na mãe também, mas o irmão eu sei que quer ir no tribunal no dia do julgamento para ver ele ser condenado à pior pena possível. Igual os políticos brasileiros, que desviam dinheiro que vai para hospitais e as pessoas morrem por causa disso.

Um comentário:

Mandy Oliiver disse...

ola nos siga ... e deixe seu comentario ... agreço meuito se fizer isso ! obrigada pela atençao !

www.ataqueid.blogspot.com

nos siga !

Ataque ID