sábado, 20 de março de 2010

Ninguem está a salvo

Estes dias tem sido muito falado por aqui a estória de dois ladrões que estavam roubando valores de pacientes em um hospital. Chamou a atenção o fato de que eles roubaram joias de uma senhora de mais de 70 anos que estava numa cama de hopital. Quando os familiares sairam para pegar um café os dois ladrões entraram no quarto e roubaram todas as jóias dela. Ela estava insconsciente e quando a polícia chegou ela havia falecido. O comentário geral tem sido quem faz esse tipo de coisa deve receber o pior na vida, tamanha repugnância tal ação causa.

A ironia é que a senhora estava usando as joias porque segundo familiares ela tinha sido assaltada em casa e não achava sua casa segura mais, assim carregava todas suas joias de valor.

Pois é, aqui também acontece essas coisas...

Nenhum comentário: