sábado, 25 de maio de 2013

Frio e devagar

Ontem e hoje a temperatura caiu bastante e eu resolvi não rodar ontem. Hoje eu também não estava muito afim, temperatura de 5 graus, mas não era só a temperatura. Eu não conseguia achar um percurso que fosse legal, geralmente sábado é dia de inovar e estou mais animado. Eu pensei que um pouco fosse overtraining talvez, digo, o fato de eu ter aumentado os km bastante este mês e particularmente corrido vários dias de 10 ou mais kms.

Escolhi fazer a rota de sempre subindo a trilha que começa no metrô Saint Clair e  sobe até o metrô Eglinton, depois volta para casa pela belt line. São praticamente 10 km de trilhas, bastante agradável para correr, mas que eu corri muitas e muitas vezes e agora não me importo de rodar aleatoriamente por outros cantos. Mas se está meio tarde, a rua com carros e tal, sol, semáforos, eu não penso duas vezes, é quase como se a trilha fosse a única opção.

As pernas estavam cansadas, mas um cansaço diferente de Quarta Feira, era cansaço daqueles que a perna não fica travada, não doi e por vezes correr parece fácil, mas não tão agradável. Estava pensando em várias coisas, especialmente na conferência da semana que vem, e o treino parece ter ido rápido, eu logo estava de volta atravessando a Avenue Road, perto de casa.

Resolvi não ir para casa, segui a trilha, entrei no cemitério e rodei até a Mount Pleasant, saí do cemitério e desci até o mercado perto de casa. Devo ter ganhado um  ou dois kms, mas terminei pensando que talvez devesse começar do zero, tipo 5 km por dia.

No mercado comprei suco, queijo, iogurte. Eu tenho tomado muito suco depois das corridas, mas o que eu queria mesmo era chegar em casa e tomar o café da manhã. Desde que me conheço por corredor eu corro sem comer de manhã, com isso o café da manhã fica mais gostoso...

Nenhum comentário: