sexta-feira, 19 de julho de 2013

Que calor...

Já que o Augustão perguntou eu vou falar do calor. A temperatura tem ficado entre 30 e 35 no meio do dia, mas com a umidade eles falam que a sensação térmica é de 45 graus. Esse negócio de sensação térmica não é algo que a gente falava muito no Brasil, mas aqui sempre mostram temperatura e sensação térmica.

Quando saio lá fora na hora do almoço é realmente bastante quente. Só de andar um pouco a gente começa suar e não tem coisa melhor do que entrar num lugar com ar condicionado. É realmente um ponto em que o calor é ruim, desagradável. O nosso apartamento não tem ar condicionado (a gente jogou fora o que tinha) e não é fácil, tipo dá vontade de ficar no trabalho até mais tarde. O consumo de sucos, água e de melancia aumentou muito lá em casa. No Canadá as casas são fechadas, tipo, não dá para escancarar a janela e deixar o vento entrar. Com isso fica muito quente dentro de casa.

Agora, eu não sei se é percepção apenas ou o que mas parece que nunca tinha feito tanto calor assim desde que eu tinha vindo para cá. Não sei o que está acontecendo. Outro dia eu ia saindo do trabalho e me deparei com o calor e imaginei um tempo no futuro, de calor escaldante, em que a gente vai conseguir ficar 20 minutos apenas fora de construções com ar condicionado. Tipo, a civilização vai ter que se esconder do calor para sobreviver. Nesse tempo haveria poucas árvores e muita agricultura de estufa. E o principal projeto científico seria o de construir um ar condicionado que esfria também do lado de fora das construções. Nesse tempo a galera quando vê fotos dos antepassados esquiando pensa que são fotos da lua Titan de Saturno.

Não sei, vamos ver o que acontece. Eu nunca quis tanto viver uns 200 anos só para ver o que acontece.

Nenhum comentário: