sábado, 15 de janeiro de 2011

Metrô perigoso?

Em Saint Louis eu queria correr e queria conhecer o metrô. Decidi não ir com a galera de taxi, decidi correr e pegar o metrô. Eu não sei, precisava fazer isso. No dia seguinte o tema das conversas foi principalmente o que você havia feito na noite anterior, que era a única que dava para fazer algo. Eu comentei com uns poucos o que havia feito, não suficiente para ter uma boa amostra mas... descobri que eles achavam o metrô perigoso. Eu nem havia pensado direito no peirgo de ser assaltado ou qualquer coisa no metrô, mas algumas pessoas parecem que nunca entrariam no metrô por medo.

Depois eu descubro que a noite dessa galera que tem medo do metrô foi emocionante. Eles presenciaram um sujeito com um revolver xingando e correndo atras do outro... E o metrô que é perigoso? Hipocrisia...

Ok, o metrô pode não ser o lugar mais seguro do mundo mas cá entre nós, como você sabe que a sua rua é mais segura que o metrô? Eu não me preocupei com segurança quando corri até o metrô. Parte disso acho que é porque corredor, na minha opinião, tem que se preocupar menos com segurança. Ok, bom evitar certos lugares, bom não andar com equipamentos que dizem ->"olha esse sujeito aqui, ele tá cheio da grana!", mas eu não tenho problemas com isso. No mais, prum corredor ser assaltado acho que é meio dificil. Sujeito atletico, vai sair correndo - o ladrão pensa. Ou - vai me bater. Enfim, sei lá, eu não pensei na possibilidade do metrô ser perigoso.

Agora, as ruas escuras me deixaram mais apreensivo. Não só que você pode ser agredido sem ninguem presenciar, tipo, o lugar é perfeito pra um assalto. Mas a minha maior preocupação é tipo um escorregão, pisar em algo que você não vê e na verdade eu até tenho medo de algum motorista não muito atento assustar comigo e sei lá, vir na calçada ou causar um acidente. Enfim, ruas escuras não são os melhores lugares para correr.

Mas voltando ao metrô, tem esse preconceito de que o metrô não é seguro. Imaginei o quanto isso também é obstáculo para o não uso do transporte publico. Se tem esse obstáculo em Saint Louis (e em Toronto!), imagina em São Paulo. E agora pensando mais em São Paulo e Toronto, talvez fosse momento para se ter alguma campanha que esclareça o quanto o metrô é seguro. As placas e avisos que ouvimos nas estações em São Paulo para que os passageiros tomem cuidado com seus pertences apenas aumentam o medo. Eu penso que quando você diz para o passageiro abrir o olho você está meio que dizendo para ele se virar, que ele está ali por sua propria conta e sorte. E vc não é responsável por nada que aconteça. Ao inves disso o metrô deveria chamar para si a responsabilidade de tornar o sistema seguro. Mostrar, talvez que as chances de você ter um acidente de carro se resolver dirigir para o trabalho é X vezes maior do que a de sofrer um assalto no metrô. Ou algo assim para incentivar o uso do transporte público...

Nenhum comentário: