sábado, 8 de agosto de 2009

Filmes

Eu tenho assistido muitos filmes estes dias (talvez algo que piorou pelo fato de eu não ter internet, enquanto eu pensei que ia assistir menos filmes). Tantos que nem vou conseguir lembrar de todos para comentar aqui.

Bella é um filme sobre um jogador de futebol mexicano vivendo nos EUA, que acidentamente atropela e mata uma criança. Muito abalado ele termina a carreira e vai trabalhar no restaurando do irmão. Até que uma das funcionárias descobre que está grávida e ele a convence a ter o bebê que ela não quer, e ele fica com a criança. O filme é bem legal.

Bad Boy é um filme asiático bastante estranho. Acho que eu não o classificaria como bom, mas cada um tem um gosto né... O filme é sobre um sujeito que dirige uma casa de prostituição e um dia vê uma garota na rua e a beija a força na frente do namorado dela, no que ele recebe um tapa dela e apanha da galera que está por ali. Meio que num ato de vingança ele faz uma trama, na qual a garota cai, e é obrigada a pegar dinheiro emprestado para pagar o que deve. Como é impossível pagar ela se torna prostituta e o sujeito a tem agora em suas mãos... Crazy né... Mas o filme continua...

7 anos no Tibet é um filme legal sobre a época em que a China invadiu o Tibet, após a segunda grande guerra. Mas o filme foca mais no drama pessoal do protagonista do que nos fatos históricos. O sujeito é Austríaco e sua mulher está grávida de um filho que ele não quer. Ele viaja para o norte da India para escalar uma montanha lá que era famosa pela dificuldade. Ele está com todo uma equipe. Eles não conseguem e quando descem da montanha forçados por uma tempestade, encontram oficiais ingleses que os prendem. A segunda guerra havia começado e eles eram austriacos em território ingles. São levados para um campo onde mantem preisioneiros de guerra. Eventualmente escapam e vão para o Tibet, agora restando apenas dois sujeitos no time de alpinista, o protagonista do filme, um jovem rebelde e o chefe da expedição. No Tibet eles vão parar na cidade onde está o novo Dalai Lama, um jovem de uns 15 anos, eu acho. A curiosidade do Dalai Lama faz com que ele se aproxime dos estrangeiros e desenvolva uma grande amizade. A religião do povo do Tibet acaba fazendo o sujeito antes rebelde ver a vida de outra forma e voltar para a Austria para conhecer o seu filho.

Nikita é um filme frances de uma garota que se envolve em um roubo e vai presa. Na prisão ela é salva da pena de morte por um sujeito que acredita que ela pode ser uma ótima agente secreta. E ela se torna a tal depois de muito treinamento, mas o trabalho de agente secreto não combina muito com a vida pessoal que ela começa a desenvolver. O filme é interessante, não diria que é de ação, é mais um trama ou suspense.

O Italiano é um filme russo sobre um garoto que mora em um orfanato lá na Russia e acaba sendo adotado por um casal italiano. Mas entre a decisão pelo casal sobre a adoção e o final do processo, o garoto vê ainda no orfanato uma mãe vindo visitar o seu filho, que ela tinha abandonado. Ele se pergunta o que aconteceria se sua mãe viesse visitá-lo e ele estivesse na Italia. Ele então decide que quer conhecer sua mãe e faz de tudo para tal, começando por aprender a ler para enterder o que está escrito em seus arquivos que o orfanato mantém . Lá ele encontra o endereço de uma outra casa de onde ele veio, que é um o utro tipo de orfanato, e somente lá ele acharia quem era sua mãe e possivelmente onde ela morava. O filme se torna atraente pela determinação do garoto que o faz fugir sozinho e entre muitas dificuldades, encontrar sua verdadeira mãe. Achei bem legal.

The naugthy girl é um filme indiano de uma menina que nasce e cresce em uma casa de prostituição mas é apaixonada por estudar. A sua mãe a tira da escola e quer iniciá-la no negócio quando um rico velho oferece uma vida diferente para ela e sua mãe, se ela se casar com ele. Ela abomina a idéia e quer voltar a escola enquanto a mãe está de olho na oportunidade da boa vida. Ela termina fugindo para Calcutá com seu professor...

Quebec-Montreal é um filme diferente. 3 carros saem para a viagem de Quebec a Montereal no mesmo dia e suas estórias são similares em certo sentido. Um deles, um casal vai para Montreal porque a mulher conseguiu um emprego lá. No meio do caminho eles começam a se desentenderem e as coisas só pioram quando acaba a gasolina. A mulher revoltada pega carona enquanto o homem fica na beira da estrada. Um pouco depois ele também pega carona em um carro onde o sujeito começa falar no telefone com o sujeito do carro onde está sua mulher. Lá, o cara está feliz pois deu carona para uma mulher bonita para a qual ele já tem planos mais intimos. O detalhe é que a conversa está em viva voz e em certo momento fica óbvio que para o cara daqui que a mulher do outro carro é a sua mulher. O desentendimento e o desfecho ruim também marcam as outras duas viagens que acontecem em paralelo, mas eu vou parar por aqui...

Eu também assisti um filme chines que não lembro o nome (impressionanete, assistia há duas semanas!) sobre uma briga familiar pelo trono. O filme é interessante, um pouco devagar, e com bastante artes marciais. Não adianta eu recomendar ou não pois esqueci o nome, então deixa pra lá...

Nenhum comentário: