domingo, 15 de julho de 2012

Guerra virtual

Os EUA, na sua auto designada missão de patrulhar o mundo, vêm desenvolvendo novas armas para controlar os seus interesses e o que é feito no resto do mundo. Ultimamente eles tem desenvolvido e usado viruses eletrônicos para substituir o pode militar, e a aparente ausência de vítimas parece ser tida como um fator de aprovação da estratégia.

Porque os EUA podem ter armas nucleares e outros países não podem? Ainda que se tenha respostas para isso, qual é o real poder dos EUA em impedir que alguém ao redor do mundo tenha armas nucleares? Talvez os EUA consigam minar as esperanças do Irã am desenvolver estas armas, mas isso vai inflamar a rivalidade e aversão que muitos tem aos EUA e suas políticas tirânicas, colocando o próprio país em estado de maior preocupação contra ataques externos. No mundo atual ninguem sabe o que pode acontecer, mas coisas como os ataques de 9/11 poder vir a parecer brincadeira de criança. É também preciso considerar que em uma era de armas nucleares, o conceito de potência militar vai perdendo seu significado na medida que ambos os lados podem facilmente destruir o oponente, ou que seja, acabar com o mundo...

Nenhum comentário: